Você está em:

Cursos

"Histórias sociais" e Alfabetização de crianças com necessidades especiais

"Histórias sociais" e Alfabetização de crianças com necessidades especiais

Vera Juhlin (São Paulo / Suécia)


12 e 13 de março de 2016

 

AINDA HÁ VAGAS!

 
Não deixe de consultar, ao final, a informação sobre bolsas de viagem !
 
  
 
Data

12 e 13 de março de 2016
 
 

Local

Casa Matriz de Diaconisas
Av.Wilhelm Rotermund, 395
São Leopoldo – RS
CEP: 93030-000
Fone: (51) 3037.0037

 

Duração

20 horas/a

 

Vera Juhlin (São Paulo / Suécia)

Licenciada em Pedagogia – Letras pela Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Taubaté/SP (1970), Mestre em Tecnologia Educacional pelo Instituto de Pesquisas Espaciais – INPE, de São José dos Campos/SP (1977), Pós-graduada (1996) e Mestre (1999) em Pedagogia Especial pela Escola de Professores da Universidade de Estocolmo / Suécia. Desde 1996, atuou como professora em escolas de educação especial da Suécia, onde trabalhou com crianças com dificuldade de concentração, hiperativas e com deficiência cerebral mínima, com autismo, síndrome de Asperger e Tourette e de Rett. Desde 2001 atua como conferencista e ministra cursos de capacitação na área da Educação Especial na Suécia, em Portugal e no Brasil.

 

Histórias sociais

Objetivo

O curso visa a capacitar educadores, outros profissionais e familiares de crianças com necessidades especiais para reforçarem e desenvolverem comportamentos positivos, utilizando “histórias sociais” (Carol Gray) como técnica pedagógica.

Sobre “histórias sociais”

“Histórias sociais” (Carol Gray, 1991) é um recurso pedagógico com o qual se pode ajudar uma criança a entender o que aconteceu. Deve ser adaptado individualmente. Ajuda a compensar as dificuldades cognitivas de pessoas com um transtorno do espectro do autismo (TEA). Explica e expressa algo que é abstrato, de uma forma visual e concreta. Torna claros detalhes importantes em uma situação de conflito. Ajuda a compreender o todo. É um registro manuscrito e fornece uma estratégia de ação para agir no futuro. Estimula a iniciativa numa situação de comunicação. Ajuda a lembrar o que deve ser feito em uma dada situação.

 

Programa

Sábado, 12 de março

08:00 – 09:00             Conceitos: problemas de comunicação, teoria do pensamento,

interação social, primeira comunicação social, o que  é competência social

09:00 – 10:00             O que é história social, exemplos (caso concreto em uma sala 

de aula) . Exemplos de histórias sociais feitas para crianças especiais

10:00 – 10:15             Intervalo

10:15 – 11:00             Trabalho prático em grupo: escolher um assunto e desenhar e

escrever uma história social

11:00 – 12:00             Apresentação dos trabalhos em grupo

12:00 – 13:00             Intervalo

 

Alfabetização de crianças com necessidades especiais

Objetivo

O curso visa a capacitar educadores, outros profissionais e familiares de crianças com necessidades especiais para trabalharem com a alfabetização dessas crianças.


Conteúdos

Métodos e técnicas para alfabetizar crianças com necessidades especiais e crianças em geral.
Como se dá o desenvolvimento da leitura e da escrita nas crianças.
As diversas etapas desse desenvolvimento.
Como realizar um planejamento individual para estimular esse desenvolvimento.

Programa

Sábado, 12 de março

13:00 – 14:00        A importância da rabiscação (garatujas) – análise de rabiscos
espontâneos das crianças
14:00 – 14:30         O desenvolvimento da Leitura e da Escrita – pesquisa de Emília
– período pré-silábico - apresentação de escritas de crianças especiais
14:30 – 14:45        Intervalo
14:45 – 15:30        Como ensinar a criança a  escrever o seu próprio nome –
confeccionar material pedagógico para esta atividade
15:30 – 17:00        Planejar alfabetização de crianças do período pré-silábico – que
pedagogia usar ? (trabalho de grupo)
Expor os trabalhos de grupo
17:00 – 18:30        O período silábico –  que pedagogia usar ?
Apresentação de um filme sobre uma criança com X frágil, tendências autísticas e retardo mental no seu processo de aprendizagem da leitura e da escrita. (15 min)
Avaliação das atividades do filme.

Domingo, 13 de março

08:00 – 10:00        Planejar aula para crianças do período silábico (em grupo)
10:00 – 10:15        Intervalo
10:15 – 12:00        Expor os trabalhos de grupo
Analisar as aulas apresentadas
12:00 – 13:00        Intervalo
13:00 – 14:00        O período alfabético – análise de escritas espontâneas  - que
pedagogia usar ?
Como ensinei a ler e a escrever – filme (60 minutos)
14:00 – 14:15         Intervalo           
14:15 – 16:30        Elaboração de uma aula no período alfabético (trabalho em
grupo)
Apresentação das aulas para análise e reformulação

 

Certificados

A frequência de 75% das atividades dará direito a um certificado emitido pela Associação Pandorga. Quem fizer sua inscrição até cinco dias antes do início do curso receberá seu certificado em mãos ainda no encerramento do mesmo. 
 

Mediante uma taxa de R$ 18,00, poderá ser obtido um certificado emitido pela Faculdades EST (São Leopoldo/RS), instituição credenciada pelo MEC. Quem efetuar o pagamento dessa taxa via depósito bancário até cinco dias antes do início do curso poderá receber o certificado em mãos ainda no encerramento do mesmo.
 

Importante:

é possível deixar acumular um certo número de certificados da Pandorga e, mais tarde, trocá-los por um certificado abrangente da Faculdades EST.

 

Investimento

(Atenção: antes de efetuar o pagamento, consulte o site www.pandorgaautismo.org para verificar se o curso ainda dispõe de vagas.)

 

(a) Professores da educação infantil e do ensino fundamental e médio que residem a mais de 80 quilômetros de distância de São Leopoldo, bem como familiares de pessoas com autismo e estudantes de nível superior: R$ 80,00 (depósito único).

 

(b) Outros professores da educação infantil e do ensino fundamental e médio:

R$ 160,00. 

(Duas opções de pagamento: depósito único de R$ 160,00 ou duas parcelas de R$ 80,00, sendo a primeira até 04 de fevereiro e a segunda até 04 de março de 2016.)

 

(c) Outros profissionais: R$ 200,00.

(Duas opções de pagamento: depósito único de R$ 200,00 ou duas parcelas de R$ 100,00, sendo a primeira até 04 de fevereiro e a segunda até 04 de março de 2016.)

 


Procedimento de inscrição


1.    Consulte o site 
www.pandorgaautismo.org  para verificar se ainda há vagas

2.    Deposite o valor do seu Investimento: Banco do Brasil – Ag. 0185-6 – c/c 48798-8 (Associação Mantenedora Pandorga). O comprovante de depósito deve ser escaneado e salvo no seu computador, para ser anexado posteriormente à sua ficha de inscrição eletrônica.

3.    Para efetuar sua inscrição, clique aqui e siga as instruções.

4.   Aguarde confirmação da matrícula por e-mail.

 


Bolsas de viagem

Visando a facilitar o acesso a este curso para professores e professoras que vivem a grandes distâncias do local do curso em São Leopoldo/RS, a Associação Pandorga buscou subsídios financeiros que lhe permitem constituir um fundo para oferecer um certo número de bolsas de viagem para cada curso. Podem candidatar-se a uma bolsa de viagem professores e professoras que atuam em instituições de ensino e residem a mais de 80 km de distância de São Leopoldo/RS, no Rio Grande do Sul ou em Santa Catarina. A bolsa de viagem consistirá no ressarcimento integral do custo da passagem de ida e de volta, em ônibus direto ou semidireto, entre o local de residência e São Leopoldo/RS. O ressarcimento será efetuado através de cheque, ao final do curso, mediante apresentação da respectiva passagem. Pessoas interessadas na bolsa de viagem devem preencher o “formulário para solicitação de bolsa de viagem”. As solicitações de bolsa serão apreciadas por ordem de chegada. O fundo de bolsas de viagem é limitado. Solicitações aprovadas só poderão ser atendidas enquanto durar a verba reservada para este curso.
 

No caso de lotações organizadas por grupos maiores de participantes, a Comissão de Bolsas de Viagem estudará a possibilidade de contribuir com um subsídio especial para a cobertura dos gastos de viagem. Grupos interessados nesse tipo de subsídio são estimulados a enviar uma consulta sobre essa possibilidade através do e-mail da Pandorga Formação.
 


Hospedagem
 

Não nos responsabilizamos por providenciar alojamento e alimentação para os(as) participantes. Há diversas possibilidades de alimentação a pouca distância do local do curso. Quanto a alojamento, você pode informar-se sobre disponibilidade no próprio campus da Faculdades EST, entrando em contato com Sirlei Trindade: tel. (51) 2111 1414, e-mail hospedagem@est.edu.br.  Você também pode consultar o serviço de hospedagem da Casa Matriz de Diaconisas, que fica nas proximidades: tel. (51) 3037 0037, fax (51) 3037 0038, e-mail:retiros@diaconisas.com.br.  A 15 minutos de caminhada estão os hotéis Lábor (51) 3590 3222 e Express Confort (51) 3037 4444.

 

Organização

Pandorga Formação
Rua Euclides da Cunha, 125
São Leopoldo/RS
93032-160
E-mail: pandorga.formacao@terra.com.br
Tel. (51) 3783 4278

Cel. (51) 9980 8923
www.pandorgaautismo.org

Acontece

O que acontece na Pandorga

Atendidos

Veja a galeria de fotos de atendidos pela Pandorga.

Cursos

Cursos da Pandorga

Formação

Clique e veja mais sobre nossa próxima formação.

Parceiros

Quem apóia a Pandorga

  • Petrobrás
  • Stihl
  • Moro Arquitetos
  • FLD
  • Parceiros voluntários
  • Faculdades EST
  • IMAMA
  • Fundação Maurício Sirostsky Sobrinho
  • Kinder
  • Banco de alimentos
  • Instituto HSBC Solidariedade